Restaurações são destaques da 5ª Mostra Mosfilm no Brasil



Entre os dias 29 de novembro e 5 de dezembro a Cinemateca Brasileira abre a 5ª Mostra Mosfilm de Cinema Soviético e Russo. Nos sete dias de evento serão exibidas 10 produções do estúdio, que é o maior da Europa e um dos mais importantes e pioneiros do mundo.


Na abertura, às 19:30h do dia 29/11, será exibido o fundamental “Vá e Veja” (1985), do diretor Elem Klimov. Frequentemente referenciado como um dos filmes mais perturbadores sobre a guerra e seus efeitos, o longa foi restaurado em 2017, em um processo que levou quatro meses para ser concluído e foi coordenado pelo próprio Karen Shakhnazarov, Diretor Geral do Mosfilm.

As cópias restauradas são, inclusive, os destaques desta 5ª Mostra. Dos 10 filmes que serão exibidos estão disponíveis em cópias restauradas, além de “Vá e Veja”, o clássico “Quando Voam as Cegonhas” (1957), de Mikhail Kalatozov, “Cidade Zero” (1988), de Karen Shakhnazarov, e a épica adaptação do romance “Guerra e Paz”, de Liev Tolstoi. Dividido em quatro partes, o filme de Serguei Bondarchuk foi premiado com o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro em 1969, sendo um dos melhores momentos do longa a reconstituição da Batalha de Borodino, que contou com mais de 300 atores, 120 mil figurantes, cerca de 200 canhões e 100 mil rifles.

A Mostra é uma realização do CPC-UMES Filmes com o Estúdio Mosfilm em parceria com a Cinemateca Brasileira.
Entrada franca.

Confirme presença no evento do facebook clicando aqui.


Programação

Quinta, 29 de novembro
19:30 - ABERTURA - Vá e Veja

Sexta, 30 de novembro
19:00 - Cidade Zero
21:00 - Decisão: Aniquilação

Sábado, 01 de dezembro
15:00 - Guerra e Paz I – Andrei Bolkonsky
17:45 - Guerra e Paz II – Natasha Rostova
19:40 - A Ascensão
21:40 - Criança Abandonada

Domingo, 02 de dezembro
15:00 - Guerra e Paz III – O Ano de 1812
17:00 - Guerra e Paz IV – Pierre Bezukhov 
20:00 - Quando Voam as Cegonhas - TELA EXTERNA (exibição ao ar livre)

Segunda, 03 de dezembro
19:15 - O Incógnito de São Petersburgo
21:00 - Quando Voam as Cegonhas

Terça, 04 de dezembro
19:15 - Circus
20:45 - A Ascensão

Quarta, 05 de Dezembro
19:15 - Vá e Veja
21:45 - Bola de Sebo


Sobre os filmes

CIRCUS
1936 / P&B / 94 MIN / COMÉDIA MUSICAL
Direção: Grigory Aleksandrov

Elenco: Lyubov Orlova, Serguei Stolyarov, Vladimir Volodin e Igor Ilinsky
Argumento e Roteiro: Grigori Aleksandrov
Música: Isaak Dunayevsky

Sinopse: Fugindo de uma multidão enfurecida com o fato dela ter dado à luz um bebê negro, a atriz circense americana Marion Dixon busca abrigo num trem e conhece o empresário alemão Franz von Kneishitz, que a recruta para uma turnê na URSS e a mantém como escrava, sob a ameaça de revelar seu segredo.


CRIANÇA ABANDONADA
1939 / P&B / 68 MIN / COMÉDIA


Direção: Tatyana Lukashevich
Elenco: Veronika Lebedeva, Faina Ranevskaya e Pyotr Repnin e Rostislav Plyatt
Argumento e Roteiro: Agnya Barto / Ryna Zelyonaya
Música: Nikolai Kryukov

Sinopse: Quando sua mãe precisa sair de casa, a pequena Natasha é deixada sob a supervisão do irmão Yura. Travessa, escapa e vai passear sozinha pelas ruas de Moscou. A garotinha perambula pela cidade e faz muitos amigos, entre adultos e crianças. Participam de seu destino todos aqueles que Natasha conhece em sua fascinante aventura, cheia de diversão.


QUANDO VOAM AS CEGONHAS
1957 / P&B / 96 MIN / DRAMA


Direção: Mikhail Kalatozov
Elenco: Tatyana Samoylova, Aleksei Batalov, Vassily Merkurev e Aleksandr Shvorin
Argumento e Roteiro: Viktor Rozov
Música: Moisey Vaynberg

Sinopse: Veronika e Boris, um jovem casal de namorados, é separado pela convocação do rapaz para se juntar ao Exército Vermelho durante a 2ª Guerra Mundial. Ansiosa por notícias do front, a moça é acolhida pela família de Boris quando sua casa é destruída por um bombardeio, acaba forçada a se envolver com o primo do rapaz, com quem resignadamente se casa. Mas continua a esperar por Boris. Palma de Ouro de “melhor filme” no Festival de Cannes (1958).



VÁ E VEJA
1985 / COR / 136 MIN / GUERRA

Direção: Elem Klimov
Elenco: Aleksei Kravchenko, Olga Mironova, Vladas Bagdonas, Lyubomiras Lauciavicius
Argumento e Roteiro:  Ales Adamovich
Música: Oleg Yanchenko

Sin
opse: Na 2ª Guerra Mundial, o adolescente Floria, morador de uma aldeia bielorrussa, encontra um velho fuzil e se junta ao movimento guerrilheiro que resiste aos invasores. A ocupação da Bielorrússia foi de uma selvageria sem precedentes, com mais de 600 vilas aniquiladas e 2,2 milhões de mortos. Em 1985, o filme foi vencedor do Festival de Cinema de Moscou e ganhou o prêmio da Federação Internacional dos Críticos de Cinema. Em 2017, venceu o Festival de Veneza, na categoria de “melhor filme restaurado”.



A ASCENSÃO
1977 / P&B / 109 MIN / DRAMA

Direção: Larisa Shepitko
Elenco: Boris Plotnikov, Vladimir Gostyukhin, Lyudmila Polyakova e Anatoly Solonitsyn
Argumento Original: Vassil Bykov
Roteiro: Yury Klepikov / Larisa Shepitko
Música: Alfred Schnittke

Sinopse: No rigoroso inverno que assola a URSS durante a 2a. Guerra Mundial, dois partisans deixam seu acampamento a procura de alimentos para o grupo. A jornada é de provações e sofrimento. Capturados pelos nazistas, reagem diferentemente ao mesmo tratamento brutal. Adaptação do romance ‘Sotnikov’, do escritor Vassil Bykov. O filme ganhou o Urso de Ouro, no Festival de Berlim (1977).



GUERRA E PAZ I – ANDREI BOLKONSKY
1965 / COR / 146 MIN / DRAMA

Direção: Serguei Bondarchuk
Elenco: Serguei Bondarchuk, Lyudmila Saveleva, Vyacheslav Tikhonov e Boris Zakhava
Argumento original: Liev Tolstoi
Roteiro: Serguei Bondarchuk / Vassily Salovyov
Música: Vyacheslav Ovchinnikov

Sinopse: Considerada a mais fiel adaptação cinematográfica do clássico de Tolstoi, o filme retrata o confronto entre Napoleão Bonaparte e a Rússia, relacionando-o às vidas das famílias Bolkonsky, Rostov e Bezukhov. O que começa como um desastre para os russos termina, sete anos mais tarde, com uma reviravolta, à medida em que a união contra o inimigo comum dissolve o antagonismo entre aristocracia e campesinato. Em 1805, o príncipe Andrei Bolkonsky alista-se no Exército Russo. Gravemente ferido na Batalha de Austerlitz, onde os seus são esmagados, o príncipe é erroneamente dado como morto. Pierre Bezukhov, filho bastardo de um dos homens mais ricos do país, é apresentado à alta sociedade.



GUERRA E PAZ II – NATASHA ROSTOVA
1966 / COR / 97 MIN / DRAMA

Direção: Serguei Bondarchuk
Elenco: Serguei Bondarchuk, Lyudmila Saveleva, Vyacheslav Tikhonov e Boris Zakhava
Argumento original: Liev Tolstoi
Roteiro: Serguei Bondarchuk / Vassily Salovyov
Música: Vyacheslav Ovchinnikov

Sinopse: A segunda parte da adaptação do romance de Liev Tolstoi ocorre no ano de 1809. Andrei Bolkonsky se apaixona por Natasha Rostova, e a pede em casamento. Seu pai, o Conde Rostov, pede, porém, que aguardem o retorno do príncipe de uma viagem. Nesse interim, Natasha conhece Anatol Kuragin, e os dois acabam se envolvendo. Bolkonsky descobre o romance e anuncia o fim do noivado. Bezukhov declara seu amor por Rostova enquanto tenta consolá-la.



GUERRA E PAZ III – O ANO DE 1812
1967 / COR / 141 MIN / DRAMA

Direção: Serguei Bondarchuk
Elenco: Serguei Bondarchuk, Lyudmila Saveleva, Vyacheslav Tikhonov e Boris Zakhava
Argumento original: Liev Tolstoi
Roteiro: Serguei Bondarchuk / Vassily Salovyov
Música: Vyacheslav Ovchinnikov

Sinopse: O exército de Napoleão invade a Rússia em 1812. Pierre Bezukhov acompanha a preparação para o iminente confronto. Ele se voluntaria para a artilharia na Batalha de Borodino, maior cena de guerra já filmada, que contou com 300 atores, 120 mil figurantes e o uso de 200 canhões e 100 mil fuzis. A unidade de Bolkonsky espera na reserva durante o conflito, e o príncipe é atingido por estilhaços de um tiro de canhão. À medida que presenciamos a guerra em toda a sua crueza, ressalta-se o repúdio de Tolstoi ao que o próprio escritor descreve como “o contrário da lógica da razão e da natureza humanas”. 

 
 

GUERRA E PAZ IV – PIERRE BEZUKHOV
1967 / COR / 96 MIN / DRAMA

Direção: Serguei Bondarchuk
Elenco: Serguei Bondarchuk, Lyudmila Saveleva, Vyacheslav Tikhonov e Boris Zakhava Argumento original: Liev Tolstoi
Roteiro: Serguei Bondarchuk / Vassily Salovyov
Música: Vyacheslav Ovchinnikov

Sinopse: O Exército de Napoleão avança pelo território russo. Mas a evolução se mostra infrutífera pela efetividade da tática de “terra arrasada” do Exército Russo, sob o comando do marechal Mikhail Kutuzov, que não poupa Moscou, incendiando a cidade para que os invasores não encontrem “nem abrigo nem suprimentos”. Enquanto Moscou arde, os Rostovs se retiram e no caminho levam vários soldados feridos, entre eles Bolkonsky. Pierre Bezukhov permanece na cidade. Os franceses são derrotados na Batalha de Krasnoi, e iniciam o longo percurso de volta acossados pelas tropas russas.



O INCÓGNITO DE SÃO PETERSBURGO
1977 / COR / 86 MIN / COMÉDIA

Direção: Leonid Gayday
Elenco: Serguei Migitsko, Anatoly Papanov, Nonna Mordyukova e Valery Nosik
Argumento Original: Nikolai Gogol
Roteiro: Leonid Gayday / Vladlen Bakhnov
Música: Aleksandr Zatsepin

Sinopse: Autoridades de uma pequena cidade do Império Russo, na primeira metade do século 19, alarmam-se com a notícia de que receberão a visita de um fiscal da capital, São Petersburgo. A comédia de Leonid Gayday é uma adaptação da peça teatral “O Inspetor Geral”, farto e pedagógico inventário da corrupção na política, de autoria de Nikolai Gogol (1808-52).



CIDADE ZERO
1988 / COR / 101 MIN / COMÉDIA

Direção: Karen Shakhnazarov
Elenco: Leonid Filatov, Vladimir Menshov, Evgeny Evstigneev e Oleg Basilashvili
Argumento e Roteiro: Aleksandr Borodyansky / Karen Shakhnazarov
Música: Eduard Artemev

Sinopse: Durante a perestroika, quando tudo parece estar de cabeça para baixo, Aleksei Varakin, representante de uma indústria de Moscou, é enviado a uma pequena cidade para tratar com um fornecedor de máquinas de ar condicionado. O que era uma viagem de negócios corriqueira se transforma em pesadelo, à medida que Varakin se envolve em situações bizarras.



DECISÃO: ANIQUILAÇÃO
2018 / COR / 96 MIN / AÇÃO

Direção: Aleksandr Aravin
Elenco: Igor Petrenko, Aleksei Vertkov, Ayub Tsingaev e Ivan Shakhnazarov
Argumento e Roteiro: Buzin Alexey / Kosov Pavel / Pavlov Pavel
Música: Yuri Poteenko

Sinopse: Em setembro de 2004, terroristas chechenos invadiram a Escola Número Um, na cidade russa de Beslan, fazendo mais de 1200 reféns. Dois dias depois detonaram explosivos que tinham plantado na escola e atiraram nos reféns, matando mais de 330 pessoas, entre elas 186 crianças. “Decisão: Aniquilação” relata a ação do serviço de inteligência russo para eliminar o líder dos terroristas, Shamil Bazgaev.



BOLA DE SEBO
1934 / P&B / 90 MIN / DRAMA

Direção: Mikhail Romm
Elenco: Galina Sergeeva, Andrei Fayt, Pyotr Repnin e Faina Renevskaya
Argumento Original: Guy de Maupassant
Roteiro: Mikhail Romm
Música: Mikhail Chulaki

Sinopse: Grupo de burgueses deixa Rouen, na França, para fugir da ocupação do exército prussiano em 1870. Já iniciada a viagem, uma prostituta conhecida como Bola de Sebo se junta à comitiva. Adaptado do conto homônimo de Guy de Maupassant, “Bola de Sebo” foi realizado em 1934 como um filme silencioso, sendo sonorizado em 1955 sob a supervisão do diretor, Mikhail Romm.